Em formação

Hospital Geral de Massachusetts


O Massachusetts General Hospital (MGH), em Boston, é o terceiro hospital mais antigo do país e o maior da Nova Inglaterra. News and World Report. Fundado em 1811, seu principal objetivo é fornecer cuidados de saúde de qualidade aos indivíduos e comunidades que atende, para promover o atendimento por meio da excelência em pesquisa biomédica e para educar futuros líderes acadêmicos e práticos das profissões de saúde. Em 1994, o hospital formou o Partners HealthCare System - um sistema integrado de prestação de serviços de saúde - em associação com o Hospital Brigham and Women's. Credenciado pela Joint Commission on Accreditation of Healthcare Organizations (JCAHO), o hospital se destaca em todas as especialidades e subespecialidades da medicina e cirurgia. É uma instalação com 893 leitos e é o maior hospital universitário da Harvard Medical School. Com centros de atendimento para AIDS, câncer, pesquisa cardiovascular, biologia cutânea e fotomedicina, o MGH conduz o maior programa de pesquisa de base hospitalar do país. Áreas de especialização, entre muitas outras, são Cardiologia, Medicina Étnica, Gastroenterologia, Ginecologia, Hematologia, Medicina Interna, Oncologia, Oftalmologia, Pediatria, Fisiologia, Saúde Mental e Nutrição. O Centro Neurovascular do hospital oferece uma gama completa de serviços a pacientes com problemas neurovasculares do cérebro e da medula espinhal. O hospital também mantém departamentos separados para Alzheimer e outras doenças neurodegenerativas, casos de emergência e saúde da mulher. Centro de Avaliação Completa da Mama da Fundação Avon, Centro de Pesquisa Cardiovascular, Departamento de Serviços Ambientais, Em vitro Unidade de fertilização (FIV), Laboratório de Medicina Molecular, Centro de Saúde Comunitária North End e Centro de Peso são outras seções importantes do hospital. equipamentos de última geração. Serviços de reabilitação também estão disponíveis. Além disso, existem unidades especializadas dentro do hospital para fornecer as mais recentes informações sobre saúde e pesquisas médicas. Eles são o Acesso a Recursos para Saúde Comunitária (ARCH), o Centro de Aprendizagem do Paciente e Família Blum, a Sala de Recursos do Câncer e a Biblioteca Treadwell. Como parte da rede de saúde comunitária MGH, o ARCH se esforça para aumentar o acesso eletrônico a informações de saúde de qualidade e recursos nas comunidades urbanas de Chelsea, Revere, Everett e Charlestown. O Blum Patient and Family Learning Center é um centro de saúde e bem-estar que fornece recursos para todas as questões de saúde. A Sala de Recursos do Câncer serve como um recurso de informação para pacientes com câncer e familiares e ajuda pacientes com câncer por meio de programas especiais. A Biblioteca Treadwell fornece informações abrangentes para o atendimento ao paciente.


História MGH


Primeira operação sob o Ether, Robert Hinckley. Fonte

Desde a primeira demonstração pública bem-sucedida do uso de éter como agente anestésico até o & ldquoliver em uma caixa, & rdquo MGH celebrou uma série de estreias, nacional e internacionalmente. Eles foram realizados por médicos, cientistas, administradores e enfermeiras. Alguns trabalharam sozinhos, alguns colaboraram com colegas e alguns foram para fora do MGH para encontrar pessoas com ideias semelhantes na academia ou na indústria. Na maioria das vezes, essas realizações foram as primeiras da nação ou as primeiras do mundo.

Alguns marcos MGH resumidamente listados podem ser encontrados aqui:

Abaixo estão outros & ldquofirsts. & Quot selecionados

O primeiro livro norte-americano sobre tumores foi escrito pelo co-fundador do MGH, Dr. John Collins Warren

MGH & rsquos Warren Library se tornou a primeira biblioteca de hospital geral nos EUA.

A primeira demonstração pública bem-sucedida do uso do éter como anestésico em cirurgia, em 16 de outubro de 1846, foi realizada pelo co-fundador do MGH, Dr. John Collins Warren. Veja as páginas Ether para muito mais informações .

A "primeira patente médica realmente significativa já emitida" foi a patente norte-americana nº 4848. Foi concedida aos drs. Charles T. Jackson e William T. G. Morton pela descoberta do éter sulfúrico como anestésico cirúrgico .

MGH & rsquos Dr. John Barnard Swett Jackson se tornou o primeiro professor de patologia nos EUA.

Young RH, Louis DN. Os Warrens e outros patologistas clínicos pioneiros do Hospital Geral de Massachusetts durante seus primeiros anos: uma apreciação pelo 200º aniversário da fundação do hospital. Mod Pathol. 24 de outubro de 2011 (10): 1285-94. PubMed PMID: 21926958.

MGH & rsquos Dr. James Clarke White abriu a primeira enfermaria na América do Norte dedicada a doenças de pele no ano seguinte, ele se tornou o primeiro professor americano de dermatologia.

O Dr. Reginald Fitz, patologista do MGH, estudou o apêndice e cunhou a palavra "apendicite".

Fitz RH. Inflamação perfurante do apêndice vermiforme, com especial referência ao seu diagnóstico e tratamento precoce. Filadélfia: Dornan, 1886. Reimpresso de Transactions of the American Physicians, 18 de junho de 1886.

MGH abriu o Bradlee Operating Theatre, a primeira sala de cirurgia asséptica nos EUA.

Walter J. Dodd, um boticário e fotógrafo do MGH, produziu a primeira exposição de raios-X em um hospital dos EUA.

Brown P. American mártires para a radiologia. Walter James Dodd (1869-1916). 1936. AJR Am J Roentgenol. 1995 Jul165 (1): 181-4. PubMed PMID: 7785582.

Dois graduados em 1878 da Escola de Treinamento para Enfermeiros do Hospital Geral de Massachusetts, Sophia Palmer e Mary E. P. Davis, fundaram o American Journal of Nursing , a primeira publicação independente de enfermagem pertencente e operada por enfermeiras.

O editor. American Journal of Nursing. 1 de outubro de 1900 (1): 64-66.

Embora MGH & rsquos Ida M. Cannon e Dr. Richard Cabot sejam creditados com o estabelecimento do primeiro departamento de Serviço Social localizado dentro de um hospital, Cannon foi precedido por Garnet Pelton, um graduado em 1903 da Escola de Treinamento de Enfermeiros MGH. Pelton renunciou após ficar doente 6 meses após ser contratado.

MGH relatou o primeiro trabalho sistemático em doenças industriais realizado por qualquer hospital dos EUA.

Washburn, Frederic A. The Massachusetts General Hospital its Development, 1900-1935 [Contate os Arquivos MGH para uso]. Boston, Houghton Mifflin Company, 1939, p. 391-395.

Uma clínica de alergia pioneira foi instituída pelo Dr. Joseph L. Goodale do MGH & rsquos, que foi o primeiro a fazer um teste cutâneo com outras substâncias além do pólen. & Rdquo

Cohen SG. Bloqueio da progressão e cronicidade da asma na era pré-corticosteroide. J Allergy Clin Immunol. 2008 Mar121 (3): 787-90. PubMed PMID: 18328904.

Washburn, Frederic A. The Massachusetts General Hospital its Development, 1900-1935 [Contate os Arquivos MGH para uso]. Boston, Houghton Mifflin Company, 1939, p. 373-375.

Tan SY, Kwock E. Paul Dudley White (1886-1973): Pioneiro em cardiologia moderna. Singapore Med J. 2016, abril 57 (4): 215-6. PubMed PMID: 27075760 PubMed Central PMCID: PMC4853490.

O médico do MGH, Dr. Ernest Amory Codman, fundou o Registry of Bone Sarcoma, o primeiro registro nacional desse tipo nos EUA.

Brand RA. Esboço biográfico: Ernest Amory Codman, MD (1869-1940). Clin Orthop Relat Res. 2013 Jun471 (6): 1775-7. PubMed PMID: 23247819 PubMed Central PMCID: PMC3706647.

A recreação em hospitais pediátricos foi iniciada nos EUA pela MGH & rsquos Isabelle L. Whittier.

Whittier, IL. Ocupação de crianças em hospitais. Arquivos de Terapia Ocupacional. 1 de fevereiro de 1922 (1): 41-8.

Bedini L. The & # 39play ladies & # 39-The primeiros especialistas em recreação terapêutica Journal of Physical Education, Recreation & amp Dance. 1995 Out 66 (8): 32-5.

Sob a liderança do Dr. Richard C. Cabot, o MGH se tornou o primeiro hospital do país a oferecer um programa de treinamento em pastoral.

O Dr. Joseph S. Barr e o Dr. William J. Mixter do MGH & rsquos demonstraram o papel dos discos intervertebrais herniados como fonte de fortes dores nas costas e nas pernas, e que isso pode ser aliviado por intervenção cirúrgica.

Barr JS, Mixter WJ. Ruptura do disco intervertebral com envolvimento do canal espinhal. N Engl J Med. 2 de agosto de 1934, 211 (5): 210-5.

Um homem de muitos “primeiros”, o endocrinologista do MGH, Dr. Fuller Albright, descreveu o que veio a ser conhecido como Síndrome de Albright.

Manring MM, Calhoun JH. Esboço biográfico: Fuller Albright, MD 1900-1969.Clin Orthop Relat Res. 2011 Aug469 (8): 2092-5. doi: 10.1007 / s11999-011-1831-0.PubMed PMID: 21384213 PubMed Central PMCID: PMC3126964.

MGH & rsquos Dr. Edward D. Churchill, que realizou a primeira pericardiectomia com sucesso nos Estados Unidos, desenvolveu a técnica de ressecção segmentar do pulmão para certas infecções como bronquiectasia, resultando em uma qualidade de vida muito melhor.

Churchill ED, Belsey R. Pneumonectomia segmentar em bronquiectasia: o segmento da língua do lobo superior esquerdo. Ann Surg. 1939, abril de 109 (4): 481-99. PubMed PMID: 17857340 PubMed Central PMCID: PMC1391296.

MGH & rsquos Ada Plumer tornou-se a primeira & ldquoofficial IV [intravenosa] enfermeira & rdquo nos EUA. Até então, tinha sido uma função médica.

Alexander M. Ada Lawrence Plumer. J Infus Nurs. 2007 Jul-Ago30 (4): 189-90. PubMed PMID: 17667069.

Weinstein SM, Hagle ME. Plumer & # 39s Principles & amp Practice of Infusion Therapy. Filadélfia: Lippincott Williams & amp Wilkins, 2014, 9ª ed.

O Dr. Saul Hertz do MGH & rsquos e o físico do MIT, Dr. Arthur Roberts, usaram iodo radioativo pela primeira vez como agente terapêutico no diagnóstico e tratamento da doença de Graves & rsquo, ajudando a inaugurar o campo da medicina nuclear.

Hertz S, Roberts A. Aplicação de iodo radioativo na terapia da doença de Graves & rsquo. J Clin Invest. 1942, 21 de setembro: 624.

O primeiro uso registrado de penicilina no tratamento de queimaduras e ndash sofridas por vítimas do incêndio em Boston e Cocoanut Grove - ocorreu no MGH.

Hospital Geral de Massachusetts. Gerenciamento do Cocoanut Grove Burns no Hospital Geral de Massachusetts, por membros da equipe, Joseph C. Aub [e outros]. Filadélfia: Lippincott, [1943].

Sábado à noite no Cocoanut Grove. IN: Ravage, Barbara. Unidade de queima: salvar vidas após as chamas. Cambridge, MA: Da Capo Press, 2004. [O acesso online requer um nome de usuário / senha gratuitos. Para a edição impressa, entre em contato com MGH Archives para uso.]

MGH & # 39s Dr. Fritz Lipmann, que em 1945 descobriu a coenzima A, compartilhou o Prêmio Nobel de Fisiologia ou Medicina por pesquisas pioneiras sobre a conversão de alimentos em energia.

MGH & rsquos Dr. C. Miller Fisher, mais do que qualquer pessoa de sua geração, & ld adquiriu doenças cerebrovasculares sob escrutínio, e muitos dos avanços no campo podem ser rastreados até suas observações originais. & Rdquo Entre suas muitas outras realizações, ele introduziu o termo isquêmica transitória ataque como um sinal de aviso de derrame.

Ackerman RH. Comemorando a vida de C. Miller Fisher. Int J Stroke. 2012 Aug7 (6): 444-6. PubMed PMID: 22805573.

C. Miller Fisher: o mestre da correlação clínico-patológica. Entrevista por Jonathan D. Trobe. J Neuroophthalmol. 2004 Mar24 (1): 68-80. PubMed PMID: 15206443.

The Massachusetts General Hospital, 1955-1980 [Contate os Arquivos MGH para uso], editado por Benjamin Castleman, David C. Crockett, S.B. Prefácio de Sutton por John E. Lawrence. Boston: Little, Brown, 1983, p. 159-160.

Drs. Wilma Jeanne Canada e Leonard W. Cronkhite, Jr., ambos residentes em radiologia no MGH, foram os primeiros a reconhecer a síndrome que leva seu nome, Síndrome de Cronkhite & ndashCanada.

Cronkhite LW Jr, Canadá WJ. Polipose gastrointestinal generalizada uma síndrome incomum de polipose, pigmentação, alopecia e onicotrofia. N Engl J Med. 1955 de junho de 16252 (24): 1011-5. PubMed PMID: 14383952

O neurocirurgião do MGH Dr. Raymond N. Kjellberg e colegas começaram a tratar pequenos alvos intracranianos com técnicas radiocirúrgicas no Harvard Cyclotron Laboratory (HCL).

Smith AR. Terapia de prótons. Phys Med Biol. Julho de 2006 751 (13): R491-504. PubMed PMID: 16790919

MGH & rsquos O Dr. Ronald Malt e sua equipe lideraram o primeiro reimplante de membro bem-sucedido depois que o braço de Everett & quotRed & quot Knowles & rsquos de 12 anos de idade foi cortado em um acidente.

MGH & rsquos Dr. Charles Huggins ajudou a revolucionar os procedimentos de banco de sangue por meio de sua invenção do citoglomerador, permitindo o congelamento e armazenamento de glóbulos vermelhos por longos períodos.

Huggins CE. Sangue congelado. Ann Surg. 1964 Oct160: 643-9. PubMed PMID: 14210366 PubMed Central PMCID: PMC1408914.

A série de descobertas feitas pelo MGH & rsquos, Dr. John T. Potts e colegas, lançou as bases para a compreensão atual do metabolismo do cálcio.

Potts JT. Uma conversa com John T. Potts Jr. Entrevista por Ushma S. Neill. J Clin Invest. 2013 novembro 123 (11): 4544-5. PMID: 24177463 PMCID: PMC3809803.

Jameson JL. Apresentação de John T. Potts Jr. J Clin Invest. 2013 Nov123 (11): 4971-7. PubMed PMID: 24177469 PubMed Central PMCID: PMC3809814.

O cirurgião ortopédico do MGH & rsquos Dr. Melvin Glimcher, em parceria com o MIT, Harvard Medical School e a Liberty Mutual Insurance Company, inventou o Boston Arm, um braço artificial que era ativado por impulsos elétricos gerados nos músculos do coto natural do braço.

Calabro A. Giants of Orthopaedic Surgery: Melvin J. Glimcher MD. Clin Orthop Relat Res. 2015 Aug473 (8): 2469-73. doi: 10.1007 / s11999-015-4398-3. PubMed PMID: 26066067 PubMed Central PMCID: PMC4488197.

Foi estabelecido o primeiro sistema de telemedicina, que ligava uma estação médica no aeroporto Logan de Boston e # 39s com médicos no MGH.

Murphy RL Jr, Bird KT. Telediagnóstico: um novo recurso de saúde comunitária. Observações sobre a viabilidade do telediagnóstico com base em 1000 transações de pacientes. Am J Public Health. 1974 Feb64 (2): 113-9. PubMed PMID: 4129472 PubMed Central PMCID: PMC1775394.

Smith PE. Doutorando em uma tela. A telemedicina fez sua primeira transmissão há 50 anos em uma clínica de aeroporto. Proto. De setembro de 2018

Considerado o "pai da cirurgia traqueal moderna" nos Estados Unidos, o Dr. Hermes Grillo do MGH & rsquos desenvolveu operações originais para doenças que antes eram consideradas incorrigíveis.

Deslauriers J. Nascimento da Cirurgia e Evolução das Vias Aéreas nos Últimos Cinqüenta Anos. Thorac Surg Clin. 2018 May28 (2): 109-115.PubMed PMID: 29627043.

Três médicos do MGH: Drs. Howard Ulfelder, Arthur L. Herbst e David C. Poskanzer, foram os primeiros a descobrir a ligação entre o adenocarcinoma de células claras vaginais e a droga DES (dietilestilbestrol), outrora prescrita para prevenir abortos espontâneos.

Herbst AL, Ulfelder H, Poskanzer DC, Longo LD. Adenocarcinoma da vagina. Associação de terapia com estilbestrol materno com aparecimento de tumor em mulheres jovens. N Engl J Med. Abril de 1971, 15284 (15): 878-81. PubMed PMID: 5549830

MGH dermatologistas drs. Thomas Fitzpatrick e John Parrish introduziram o campo da fotoquimioterapia para tratar doenças de pele como a psoríase.

Parrish JA, Fitzpatrick TB, Tanenbaum L, Pathak MA. Fotoquimioterapia da psoríase com metoxsaleno oral e luz ultravioleta de onda longa. N Engl J Med. 1974, dezembro 5291 (23): 1207-11. PubMed PMID: 4422691.

Cooper JB, Newbower RS, Moore JW, Trautman ED. Um novo sistema de aplicação de anestesia. Anestesiologia. Nov49 (5): 310-8. PubMed PMID: 736286.

Bause GS. O sistema de anestesia de Boston. Anestesiologia. 2011 eb114 (2): 236.doi: 10.1097 / ALN.0b013e318210be60. PubMed PMID: 21266863.

O cirurgião do MGH, Dr. John F. Burke, junto com o Dr. Ioannis V. Yannas, do Massachusetts Institute of Technology & rsquos departamento de engenharia mecânica, inventaram a primeira pele humana sintética reproduzível comercialmente.

O Dr. Allan Goroll, um pioneiro da atenção primária moderna, colaborou com seus colegas do MGH no primeiro livro nessa área.

Goroll AH, May LH, Mulley AG. Medicina de atenção primária. Filadélfia: Lippincott, 1981.

O neurogeneticista do MGH, Dr. James Gusella, liderou uma equipe que encontrou um marcador genético para a doença de Huntington e rsquos.

Gusella JF, Wexler NS, Conneally PM, Naylor SL, Anderson MA, Tanzi RE, Watkins PC, Ottina K, Wallace MR, Sakaguchi AY, et al. Um marcador de DNA polimórfico geneticamente ligado à doença de Huntington & # 39s. Natureza. 17-23306 de novembro de 1983 (5940): 234-8. PubMed PMID: 6316146.

MGH & rsquos Dr. Martin S. Hirsch é & ldquowidly reconhecido como um pioneiro na terapia de combinação de HIV por causa de seus estudos pioneiros de combinações de drogas in vitro e in vivo. & Rdquo

Hartshorn KL, Sandstrom EG, Neumeyer D, Paradis TJ, Chou TC, Schooley RT, Hirsch MS. Inibição sinérgica da replicação do vírus linfotrópico de células T humanas do tipo III in vitro por fosfonoformato e interferon alfa-A recombinante. Antimicrob Agents Chemother. 1986 Jul 30 (1): 189-91. PubMed PMID: 3019235 PubMed Central PMCID: PMC176465.

O Dr. Jack Belliveau, pesquisador do MGH & rsquos Athinoula A. Martinos Center for Biomedical Imaging, relatou a primeira demonstração de ressonância magnética funcional (fMRI).

Belliveau JW, Kennedy DN Jr, McKinstry RC, Buchbinder BR, Weisskoff RM, Cohen MS, Vevea JM, Brady TJ, Rosen BR. Mapeamento funcional do córtex visual humano por imagem de ressonância magnética. Ciência. 1991, novembro de 1254 (5032): 716-9. PubMed PMID: 1948051.

Spitzer TR, Delmonico F, Tolkoff-Rubin N, McAfee S, Sackstein R, Saidman S, Colby C, Sykes M, Sachs DH, Cosimi AB. Medula óssea de doador compatível com antígeno de leucócito de histocompatibilidade combinado e transplante renal para mieloma múltiplo com doença renal em estágio terminal: a indução de tolerância ao aloenxerto por meio de quimerismo linfohematopoiético misto. Transplantação. 1999, agosto 2768 (4): 480-4. PubMed PMID: 10480403

O Centro de Soluções de Disparidades do MGH & rsquos, inaugurado sob a direção do Dr. Joseph Betancourt, foi o primeiro desse tipo nos EUA a ser baseado em um hospital. (p. 59-60)

Os cirurgiões do MGH realizaram a primeira artroplastia total do quadril usando uma cavidade articular revestida com um novo material inventado no MGH. O novo material foi desenvolvido por MGH & rsquos Orhun Muratoglu, PhD, diretor do Laboratório de Biomecânica e Biomateriais de Ortopedia Harris, em colaboração com cientistas do Cambridge Polymer Group.

MGH & rsquos Dr. Daniel A. Haber, Dr. Mehmet Toner e colegas desenvolveram um teste baseado em microchip (CTC-chip) que pode identificar células tumorais flutuando no sangue de pacientes com câncer.

Nagrath S, Sequist LV, Maheswaran S, Bell DW, Irimia D, Ulkus L, Smith MR, Kwak EL, Digumarthy S, Muzikansky A, Ryan P, Balis UJ, Tompkins RG, Haber DA, Toner M. Isolamento de tumor circulante raro células em pacientes com câncer por tecnologia de microchip. Natureza. Dezembro de 2007 20450 (7173): 1235-9. PubMed PMID: 18097410 PubMed Central PMCID: PMC3090667.

Maheswaran S, Sequist LV, Nagrath S, Ulkus L, Brannigan B, Collura CV, Inserra E, Diederichs S, Iafrate AJ, Bell DW, Digumarthy S, Muzikansky A, Irimia D, Settleman J, Tompkins RG, Lynch TJ, Toner M , Haber DA. Detecção de mutações no EGFR em células circulantes de câncer de pulmão. N Engl J Med. Julho de 2008 24359 (4): 366-77. doi: 10.1056 / NEJMoa0800668. PubMed PMID: 18596266 PubMed Central PMCID: PMC3551471.

Uma equipe internacional liderada por pesquisadores do MGH identificou o primeiro gene que causa o prolapso da válvula mitral. A autora sênior do artigo, a MGHs Susan A. Slaugenhaupt, PhD afirmou: & ldquo Este trabalho fornece insights sobre as vias que regulam o crescimento e desenvolvimento da válvula e implica uma base anteriormente não reconhecida para a integridade estrutural de longo prazo da válvula mitral. & Rdquo

Durst R, Sauls K, Peal DS, deVlaming A, Toomer K, Leyne M, Salani M, Talkowski ME, Brand H, Perrocheau M, Simpson C, Jett C, Stone MR, Charles F, Chiang C, Lynch SN, Bouatia- Naji N, Delling FN, Freed LA, Tribouilloy C, Le Tourneau T, LeMarec H, Fernandez-Friera L, Solis J, Trujillano D, Ossowski S, Estivill X, Dina C, Bruneval P, Chester A, Schott JJ, Irvine KD , Mao Y, Wessels A, Motiwala T, Puceat M, Tsukasaki Y, Menick DR, Kasiganesan H, Nie X, Broome AM, Williams K, Johnson A, Markwald RR, Jeunemaitre X, Hagege A, Levine RA, Milan DJ, Norris RA, Slaugenhaupt SA. Mutações em DCHS1 causam prolapso da válvula mitral. Natureza. 2015 set 3525 (7567): 109-13. PubMed PMID: 26258302 PubMed Central PMCID: PMC4720389.

Uma equipe cirúrgica liderada pelos drs. MGHers. Curtis L. Cetrulo, Jr. e Dicken S.C. Ko realizaram no país o primeiro transplante de aloenxerto composto vascularizado geniturinário (peniano).

Ruscic KJ, Zamora-Berridi GJ, McGovern FJ, Cetrulo C, Winograd JM, Eberlin KR, Bojovic B, Ko DS, Anderson TA. Anestesia peridural para facilitar o fluxo sanguíneo dos órgãos durante o primeiro transplante peniano nos Estados Unidos: um relato de caso. A A Pract. 2018 maio 110 (9): 232-234. doi: 10.1213 / XAA.0000000000000672. PubMed PMID: 29708917.

MGH foi o primeiro hospital no país onde um transplante de fígado foi realizado usando o que os médicos chamam vagamente de "fígado em uma caixa", um dispositivo portátil.

MGH & rsquos Dr. Bradley E. Bernstein, junto com colegas do MGH, Mass. Eye and Ear e do Broad Institute no MIT, criaram o primeiro atlas de câncer de cabeça e pescoço, revelando os muitos tipos diferentes de células, cancerosas e não cancerosas , em tumores primários de cabeça e pescoço e suas metástases, fornecendo pistas sobre como os cânceres de cabeça e pescoço metastatizam.


Da Frente de Guerra à Frente Interna: História do Serviço do General de Massa

O ano era 1916. O presidente Woodrow Wilson estava tentando manter este país fora do conflito que engolfou a Europa e que viria a ser conhecido como Primeira Guerra Mundial. Mesmo assim, o Exército dos EUA estava preparando contingências médicas e com bons motivos. Embora os Estados Unidos tenham vencido a Guerra Hispano-Americana em 1898, o atendimento médico prestado às suas tropas foi péssimo. A doença e a falta de saneamento mataram muito mais do que o combate. As investigações do pós-guerra culparam a lamentável falta de equipe médica e organização.

Uma visita do general McClellan à Guerra Civil

O Dr. Washburn era adequado para a tarefa de organizar o Hospital de Base nº 6. Embora charmoso e inovador, ele também defendia a ordem e a disciplina. Em um exemplo, que ele mais tarde contou em sua própria história escrita do hospital, o Dr. Washburn ficou tão cansado de ver os internos do MGH andando por aí com as mãos nos bolsos das calças que eliminou os bolsos laterais ofensivos do próximo pedido de calças do uniforme .

No momento em que os Estados Unidos declararam guerra à Alemanha em 2 de abril de 1917, o comando do Dr. Washburn estava organizado e em perfuração. Em julho, a equipe do Hospital de Base nº 6 partiu de Nova York para a Inglaterra. A bordo do navio Aurania estavam 28 médicos, 64 enfermeiras, seis secretárias, uma nutricionista e 153 homens alistados. Eles tinham suprimentos e equipamentos para uma instalação de 500 leitos. Eles precisariam de muito mais.

Tratamento de feridas de guerra e gripe

O hospital que construíram no terreno de uma escola para meninos perto de Bordeaux, França, foi inaugurado em 1º de outubro de 1917. Em poucos meses, comboios carregando centenas de aventureiros americanos doentes, feridos e gaseados estavam chegando do front. Enquanto prestava atendimento, a equipe do hospital estava empenhada em uma busca incessante por suprimentos e materiais de construção para se expandir. A mortal epidemia de gripe de 1918 atingiu a Força Expedicionária Americana e aumentou a pressão. Quando suas operações foram encerradas, o Hospital de Base nº 6 estava equipado com mais de 4.000 leitos e tratava de cerca de 26.000 pacientes.


De 1873 a 1981, o Massachusetts General Hospital operou o Escola de Enfermagem do Massachusetts General Hospital, concedendo diplomas apenas em enfermagem. Em 1977, o estado de Massachusetts autorizou o sistema hospitalar a conceder graus acadêmicos, e nesse mesmo ano a Divisão Acadêmica do Massachusetts General Hospital foi lançado. [1]

O programa foi renomeado MGH Institute of Health Professions em 1980, admitindo sua primeira coorte de alunos. Os primeiros graus concedidos foram um Mestrado em Fisioterapia com a primeira turma se formando em 1983. A escola começou a admitir seus primeiros alunos de nível de entrada no Mestrado em Ciências da Enfermagem em 1982. Em 1985, o MGH Institute of Health Professions foi reconstituído como uma corporação separada do Massachusetts General Hospital, e em 2001 mudou-se para o Charlestown Navy Yard em Boston, onde agora tem mais de 125.000 pés quadrados de espaço em sete edifícios.

Hoje, o IHP oferece os seguintes graus: Doutor em Terapia Ocupacional, Doutor em Fisioterapia, Mestre em Ciências da Comunicação e Distúrbios, Mestre em Ciências em Enfermagem, Mestre em Estudos de Assistente Médico e Bacharelado Acelerado em Enfermagem. O IHP também oferece diversos programas pós-profissionais: Doutorado em Ciências da Reabilitação, Doutorado em Prática de Enfermagem e Mestrado em Educação para Profissionais da Saúde, além de diversos certificados. [1] O Instituto tem uma base de ex-alunos de mais de 7.200 em todo o mundo. [1]

O MGH Institute oferece um único curso de graduação, um Bacharelado em Enfermagem acelerado. O restante de seus programas acadêmicos se concentra em programas de pós-graduação. [2] Estabelecido em 2013, o programa de Doutorado em Terapia Ocupacional de nível básico do instituto foi o primeiro desse tipo na Nova Inglaterra. [6] Outros programas incluem ofertas de certificados de pós-graduação, várias opções de cursos que não sejam de graduação e certificados de estudos avançados nas profissões da saúde. [2]

O instituto e seus programas são todos credenciados por seus organismos de acreditação correspondentes, incluindo a Associação de Escolas e Faculdades de New England, o Conselho de Registro de Enfermagem de Massachusetts, a Comissão de Educação em Enfermagem Colegiada, o Conselho de Credenciamento Acadêmico da Fala-Língua Americana -Hearing Association, a Comissão de Credenciamento em Educação em Fisioterapia e o Departamento de Educação Elementar e Secundária de Massachusetts. [7] [8]

Demografia do corpo discente do MGHIHP (2011) [2]
afro-americano 3%
Índio americano ou nativo do Alasca & lt1%
asiático americano 10%
Branco, não hispânico 61%
Hispano-americano 1%
Outro / desconhecido 24%

Em 2011, o corpo discente do instituto era 85 por cento feminino e 62 por cento estavam matriculados como alunos em tempo integral. A taxa de graduação da escola foi alta, com mais de 98% matriculados até o final do programa de graduação. Os alunos que não buscam um diploma, incluindo aqueles em cursos de educação continuada em profissões da saúde, são responsáveis ​​por cerca de 18% do total de matrículas. [2]

O Instituto tem mais de 159.000 pés quadrados de sala de aula e espaço de laboratório em seu campus, incluindo espaço para centros de reabilitação pro-bono, laboratórios de simulação e pesquisa geral de professores e alunos. [5]


Publicado há 8 anos por Mass General Giving in History

O Hospital Geral de Massachusetts tem uma longa história de descobertas e inovações médicas nos últimos dois séculos.

Apoio em massa geral

Contribuir para o futuro dos cuidados de saúde

Próximos eventos

Notícias recentes

Privacidade e segurança

Nossa Rede

Se envolver

e cópia 2021 do Massachusetts General Hospital.

O Massachusetts General Hospital é uma organização sem fins lucrativos 501 (c) (3) e as doações são dedutíveis de impostos em toda a extensão permitida por lei.


Hospital Geral de Massachusetts, Edifício Bulfinch

o Edifício Bulfinch do Massachusetts General Hospital está localizado no campus principal do hospital na Fruit Street, no West End de Boston, Massachusetts. Foi projetado pelo arquiteto Charles Bulfinch e construído entre 1818 e 1823, com uma grande expansão em 1844-46. Um marco histórico nacional, é um excelente exemplo da arquitetura clássica do Renascimento e um raro exemplo sobrevivente de um edifício de hospital público do início do século XIX. O prédio abriga o Ether Dome, uma sala de operações que foi designada separadamente como um marco histórico nacional como o local da primeira demonstração pública do uso do éter como anestésico. [2]

O Edifício Bulfinch é uma estrutura retangular, de dois andares de altura, com um pórtico jônico maciço no centro de sua fachada mais longa. O edifício foi construído em granito branco de Chelmsford, Massachusetts, e fica em um porão de granito rusticado. Possui cobertura de quatro águas, sendo que a parte central tem um sótão quadrado com chaminés nos cantos e cúpula em forma de pires no centro. O interior passou por extensas e repetidas reformas, conforme as necessidades do hospital para o espaço mudaram. [2]

Projetado por Charles Bulfinch em 1817 e construído ao longo dos cinco anos seguintes por Alexander Parris, o edifício tinha alas menores (cerca de metade do tamanho atual) e tinha capacidade para 73 camas. O trabalho em pedra para sua construção foi em grande parte feito pelos presidiários da prisão de Charlestown. A capacidade do edifício foi quase duplicada em 1844-46 com a adição de cinco vãos em cada uma das alas, e o saguão de entrada original projetado por Bulfinch foi amplamente alterado. [2]

Bulfinch's design, with an operating amphitheater under the dome, was probably based on that in the Pennsylvania Hospital building, which he probably saw on a visit in 1816. That amphitheater, now known as the Ether Dome, is where the first public demonstration of the use of ether as an anesthetic took place on October 16, 1846. The amphitheater was designated a National Historic Landmark in 1965 in recognition of this event. The entire building was listed on the National Register of Historic Places, and designated a National Historic Landmark, in 1970, as an excellent example of Classical Revival architecture, and as one of the oldest public hospital buildings in the nation. [2]

The building is now surrounded by the much larger modern facilities of the hospital.


Massachusetts General Hospital was founded in 1811, with a mandate to serve the underserved population of Boston. It was the first teaching hospital for Harvard Medical School and both education and service have remained at the core of this place.

Throughout our interview day, the tour and several presentations will highlight some of the historical milestones in medicine that have occurred here.

If you are planning your interview trip, and are interested in medical history, a new Museum of Medical History opened recently at MGH, and there is a self-guided history walk through the grounds of the hospital that visitors can take. See the links below for more information.

Clique aqui for a narrative history of MassGeneral.

Program History

The Harvard MGH Medicine-Pediatrics Program began in 1989 as the Massachusetts General Hospital (MGH) Med-Peds Residency. In 1995, the original MGH med-peds program merged with the Brigham and Women’s Hospital (BWH) and Children’s Hospital Boston (CHB) Med-Peds Residency (formed in 1994), to become the Harvard Combined Med-Peds Program (HCMP), encompassing all four core programs. In 2006, the ACGME mandated to all med-peds programs across the country that they have only one parent medicine program and one parent pediatric program. This necessitated the division of the Harvard Combined Program into The Harvard MGH Med-Peds Program and the Harvard BWH/CHB Med-Peds Program. The programs continue to work together, jointly hosting medical student med-peds interest group events.


Massachusetts General Hospital: A Long History of Innovation and Impact

History was made at Massachusetts General Hospital in 1846 when the first successful demonstration of ether anesthesia occurred in the hospital's Ether Dome. Since then, the Department of Anesthesia, Critical Care and Pain Medicine (DACCPM) at Mass General has remained at the forefront of innovation.

Every year, the DACCPM team provides anesthetic care for more than 50,000 procedures in 66 ORs and approximately 25 other locations across Mass General campuses. As innovators in clinical care, research, and education, the DACCPM plays a critical role in advancing anesthesiology, medicine, and science.

The role of anesthesiology continues to grow in critical care medicine and a unique area of focus for the DACCPM team is the impact of anesthesiology intensivists, especially when it comes to cardiac care.

“Cardiac critical care medicine is a subspecialty of intensive care that has transitioned from elective.


Download

On this day in 1821, the Massachusetts General Hospital admitted its first patient, a 30-year-old sailor. More than a decade earlier, two Boston doctors had appealed to the city's "wealthiest and most influential citizens" to establish a general hospital. The War of 1812 delayed the dream, but on July 4, 1818, the cornerstone was finally laid. The original building, designed by Boston's leading architect Charles Bulfinch, is still in use. One of the world's great centers of medical research and treatment has grown up around it. The original domed operating amphitheater, where anesthesia was first publicly demonstrated in 1846, is now a Registered National Historic Landmark. MGH has achieved countless medical milestones, including the first successful reattachment of a human limb.

Not all gifts were in cash: one man donated a pig "of an uncommonly fine breed" another gave an Egyptian mummy, which the Trustees rented out for exhibition, raising $1,200.

By 1800, seriously ill Europeans were accustomed to seeking care in general hospitals in the United States, things were different. There were only two general hospitals in the entire nation: Pennsylvania Hospital, which had opened in Philadelphia in 1756, and the New York Hospital, which followed in 1791. For the most part, Americans who fell sick were treated at home by family members and lay healers. Increasing numbers of affluent families sought the services of physicians, but most people viewed institutional medical treatment with distrust. In colonial New England, families expected to care for their own only individuals without family connections or resources — the destitute, the insane, criminals, or members of the military — were confined in public institutions such as military hospitals and almshouses.

In the early 1800s, reformers began to see civic institutions as a way to address social ills. They established asylums for the mentally ill, criminals, orphans, the poor, the blind, the deaf, and the sick. At the same time, doctors sought to elevate the status of their profession through more uniform and scientific training. Hospitals and medical schools grew hand in hand.

. . . only individuals without family connections or resources — the destitute, the insane, criminals, or members of the military — were confined in public institutions such as military hospitals and almshouses.

In March of 1810, a group of prominent Boston men set out to create a general hospital that would care for both the physically and mentally ill. The doctors involved in the project realized that having a hospital in Boston would improve the teaching of Harvard Medical School students. Up to that point, the training of men who called themselves doctors varied enormously, ranging from apprenticeship with another physician to self-instruction. A medical school associated with a well-run hospital would provide excellent medical training, attract aspiring doctors, and raise the standards of both medical education and medical treatment in New England. "A hospital," one fundraising letter pointed out, "is an institution absolutely essential to a medical school, and one which would afford relief and comfort to thousands of the sick and miserable."

In February 1811, the Massachusetts legislature granted a charter for the Massachusetts General Hospital. The lawmakers required that the hospital take care of patients regardless of citizenship, social class, or income, although it was of course permitted to exclude women from its training programs.

"A hospital," one fundraising letter pointed out, "is an institution absolutely essential to a medical school, and one which would afford relief and comfort to thousands of the sick and miserable."

The legislature bestowed numerous favors on the hospital: it transferred ownership of the Province House, where British governors had resided in colonial times, to the hospital and allowed the hospital to rent or sell it. The legislature also chartered a new life insurance company on the condition that one-third of its net profits go to the hospital. Over the next 130 years, the company would generate more than $1,500,000 for Mass General. The legislature also saved the hospital nearly $30,000 in construction costs by stipulating that the state prison furnish the stone and labor for the first building.

The hospital campaign had wide popular appeal. Between December of 1816 and March of 1817, 1,047 individual donors contributed over $107,000. Not all gifts were in cash: one man donated a pig "of an uncommonly fine breed" another gave an Egyptian mummy, which the Trustees rented out for exhibition, raising $1,200.

The Trustees' highest priority was the opening of a mental hospital. In 1816 they purchased an estate in what was then Charlestown, and on October 6, 1818, the institution that would eventually be known as McLean Hospital admitted its first patient. Meanwhile, a four-acre parcel on the Boston side of the Charles River was acquired for the General Hospital. Architect Charles Bulfinch incorporated state-of-the-art central heating and plumbing into his classic design for the granite building. On September 3, 1821, the Massachusetts General Hospital admitted its first patient. Two years later, the building was complete.

As the first and largest training ground for Harvard medical students, the hospital soon established Boston as one of the nation's premier centers of medical education.

From the day the hospital opened its doors, it afforded Harvard Medical School students and professors the best medical environment in New England. As the first and largest training ground for Harvard medical students, the hospital soon established Boston as one of the nation's premier centers of medical education. Mass General has also evolved into a top-tier medical research institution, with a research budget of more than $800 million and a top recipient of research funding from the National Institutes of Health (NIH). Between the education of medical students and scientific research, MGH has an impact on the health of many beyond the state of Massachusetts.

MGH's original 73 beds have grown to over 1,000 the hospital's staff care for over 1,500,000 patients a year around 100,000 of them in its acclaimed Emergency Department. Mass General conducts the largest hospital-based research program in the United States.

The Bulfinch Building is dwarfed by the enormous medical complex that has risen around it, but it still stands, a testimony to the hospital's modest beginnings.

If You Go

A visit to the Paul S. Russell, MD Museum of Medical History and Innovation is a great way to learn about the history of Massachusetts General Hospital and its commitment to patient care and medical research. The Ether Dome may be visited during regular business hours, unless a meeting is being held in the space.

Links

Localização

This Mass Moment occurred in the Greater Boston region of Massachusetts.

Fontes

History of the Massachusetts General Hospital, by N. I. Bowditch (Arno Press, 1972).

Every Man Our Neighbor: A Brief History of the Massachusetts General Hospital, 1811-1961, by Joseph E. Garland (Little, Brown and Company, 1961).

The Discovery of the Asylum: Social Order and Disorder in the New Republic, by David J. Rothman (Little, Brown and Company, 1971).


About Mass General Brigham

Mass General Brigham is a not-for-profit, integrated health care system in Boston, Massachusetts. Founded by Brigham and Women’s Hospital and Massachusetts General Hospital—two of the nation’s leading academic medical centers—Mass General Brigham includes community and specialty hospitals, a managed care organization, a physician network, community health centers, home care and other health related services.

Mass General Brigham is committed to the community, and dedicated to enhancing patient care, teaching, and research in service to our patients and their families.

Mass General Brigham is the largest private employer in Massachusetts, with approximately 74,000 employees, including physicians, nurses, scientists, and caregivers. Mass General Brigham institutions maintain a total research budget of more than $1.7 billion, and Massachusetts General Hospital (MGH) and Brigham and Women’s Hospital (BWH) are the largest private hospital recipients of National Institutes of Health funding in the nation.

Mass General Brigham offers one of the most robust and competitive medical educational programs in the country, with more than 200 residency and fellowship programs, where physicians-in-training routinely rotate among academic medical centers, community and specialty hospitals.

Mass General Brigham maintains a strong commitment to the community. Through outreach programs and philanthropic initiatives, Mass General Brigham and its hospitals are committed to improving the delivery of care locally and globally.


Assista o vídeo: Your Childs Endoscopy: What to Expect (Janeiro 2022).